sexta-feira, 27 de setembro de 2019

DECLUTTER: 12 MÉTODOS E ABORDAGENS

Qual método de DECLUTTER você conhece?

As palavras DECLUTTER e DECLUTTERING foram incluídas em 2015 no OXFORD English, e, se procurar meus POSTs de 2005 falei dela desde então, mesmo que o dicionário esteja atrasado, e enquanto essa palavra não tem uma tradução muito exata para a Língua Portuguesa, vamos usar DECLUTTER para nos situar em relação a eliminar a desordem, ou itens reutilizáveis para doação, pois nem sempre o que é "tralha" para uma família, será para outra!

Estamos em uma época em que as residências se tornam apartamentos, ou apartamentos se tornam grandes residências, em um, não temos espaço para todos nossos pertences, em outro, ficamos com "vazios" que somos levados a querer preencher.

Um tema que está bem em voga é tornar-se minimalista nos Guarda-roupas (Armários Cápsulas), Consumo consciente e a Simplicidade voluntária, não importa os motivos que temos, chega um determinado momento em que precisamos de mais espaços e menos coisas para arrumar, limpar e devolver ao seu devido lugar..

É onde chegamos à prática de DECLUTTER, fracionando o tempo ou mesmo um cômodo por vez, até a forma radical de Marie Kondo, compartilho 12 (sim 12) formas diferentes de abraçar essa ideia e começar hoje a tornar sua vida mais leve.

O autor dessa dica tem uma forma curiosa de se expressar e me levou a querer compartilhar, percebemos que quando precisamos de ajuda, existem muitos caminhos, muitos levam à solução do problema de CLUTTER, e cada pessoa precisa escolher qual funciona melhor para si e família!

12 DICAS, MÉTODOS E ABORDAGENS para praticar o DECLUTTER

Eu olhei para tudo em que consegui ao longo de uma semana. Não fiquei surpreso com a variedade de maneiras de organizar. Parece que todo mundo quer dar um toque único e pessoal a ele. Vou compartilhar essas dicas e abordagens com vocês, mas depois vou lhe dizer-lhes por que  não deve segui-las (a maioria).

1) Os minimalistas afirmam: "Declutter não funciona". No entanto, eles têm várias abordagens e desafios próprios para o desapego (por exemplo, o jogo Minimalista* ou o grupo de "empacotamento" onde você finge que está se mudando de casa). O ponto principal deles é que devemos ter um "porquê" ou um objetivo por trás de sua organização. Concordo com isso, mas também acho que a organização funciona se for realizada de maneira eficaz.

*Jogo de Minimalismo de 30 dias: “Este mês, cada pessoa se livra de um item no primeiro dia. No segundo, duas coisas. Três itens no terceiro. E assim por diante. ”No final de 30 dias, você terá organizado 465 coisas! Use a hashtag #MinsGame para ver outras pessoas participando desse desafio.

2) O método de 3 ou 4 caixas: divida as coisas em caixas diferentes, de acordo com a necessidade. Por exemplo, você pode usar o método de 3 caixas e ter caixas para: 1) manter, 2) doar e 3) vender.

*A caixa 4 vocês podem escrever "devolver ao seu devido lugar"

3) Limpe um cômodo de cada vez:  Simples o suficiente, certo? Se ao menos funcionasse ...

4) Método do cabide do guarda-roupa (ou truque do cabide invertido):  Essa ideia tem potencial. Eu acho que ganhou popularidade depois que Oprah mencionou. Você vira todas as coisas no seu armário para que o cabide esteja voltado para o lado errado. Depois de usar algo, você vira o cabide da maneira correta quando pendura a roupa. Após um período definido (6 meses, 12 meses), você se livra de qualquer coisa que ainda esteja voltada para a direção errada, porque não usou.

*Fiz isso com "rolinhos" na gaveta e ajudou perceber qual roupa não uso

5) Use o que vem a seguir: você pode seguir isso para um armário ou cômoda. Imagine que tudo está em ordem. A próxima camiseta na fila, o próximo par de roupas íntimas na fila, etc. Se pegar alguma coisa na fila e não quiser usá-la, isso deve ser uma indicação de que talvez seja a hora de ir embora.

6) Faça isso em fases:  Pratique o Declutter uma vez por ano na data de aniversário de sua organização inicial.

7) Defina o humor / tom com músicas e aromas:  se quiser organizar o seu ambiente, tente torná-lo o mais agradável possível, certo? Bem, nem todo mundo concorda com isso (*tosse* Marie Kondo *tosse*).

8) Tire fotos: facilita a remoção de itens sentimentais se tirar fotos primeiro.
*Dou sempre essa dica no Grupo do WhatsApp

9) Evite o movimento e/ou nivelamento (mudar de andar) dos itens: o movimento de itens de um lugar para outro (esconder em quartos ou sótãos por exemplo) é apenas a movimentação da desordem para para outro cômodo.

10) Comece com a desordem mais difícil? Ou mais fácil? Comece pequeno? Ou grande?  Marie Kondo diz para nocautear tudo de uma só vez. Outros dizem para começar com pequenas doses para obter o impulso composto de pequenas vitórias.

11) Regra "One In, One Out": Não compre nada de novo até terminar de organizar a desordem. Se  precisar comprar algo, use a regra “um dentro, um fora”. Ou, melhor ainda, tente um dentro, dois fora.

12) Personal e profissionais*: algumas pessoas até recomendam métodos diferentes de organizar com base no seu tipo de personalidade. E, se tudo mais falhar, contrate um organizador profissional para fazer todo o trabalho sujo para você.

"No próximo post, descreverei como minha esposa e eu usamos o Método KonMari para organizar e  nossas roupas de maneira radical. Também adicionamos os itens 2 e 4 da lista acima: o método de 3 caixas (manter, doar, vender) e o truque de cabide invertido em todas as peças do armário."

*Aqui no Brasil, o Curso de Personal Organizer orienta  que o DECLUTTER e Desapego será feito pelo cliente, o P.O. pode dar orientação, mas não será o P.O. que fará o DECLUTTER em sua casa.

Portanto, escolha 1 ou duas formas de começar sua Organização, praticando inicialmente o DECLUTTER, sua vida ficará mais leve e seu lar mais fácil de manter em ordem!

Traduzido e Adaptado por FLYRoBrasileira




Destaque:

Introdução Lições Sistema FLYLADY